14/03/2011

UM ACORDO ARRISCADO.

   Olá Pessoal!
Quero pedir milhões de desculpas por ter ficado tanto tempo sem atualizar o blog, o problema do meu computador foi mais sério do que eu imaginava, mas graças a Deus agora foi definitivamente resolvido. Espero que isso nunca mais volte a acontecer pois, eu quase enlouqueci por não poder atualizar o blog.
 Quero agradecer também a todos que mesmo eu estando afastada esse tempo, continuaram visitando o Fascinada por Histórias; muito obrigada mesmo. Estou muito feliz por estar de volta e estava morrendo de saudades, parece que fiquei meses longe. *_*
  Para voltar a ativa trouxe a resenha de um romance de banca, que eu adorei ler. Adoro os romances de banca!
       Autora: Nicole Foster
       Editora: Nova Cultural
       Coleção: Clássicos Históricos Especial
       Páginas: 315

        Da hostilidade ao amor... era apenas um passo!
            Arizona, 1876.
 Sinopse: Jack tinha certeza de que sua vida de aventuras havia acabado. Estava na hora de sossegar e oferecer um lar estável ao filho recém-descoberto...
   Principalmente porque o destino estava a seu favor, colocando em seu caminho, Hallie Ryan, uma criaturinha geniosa porém corajosa e linda!
   Embora Hallie tivesse jurado fazer qualquer coisa para salvar sua fazenda ela não contava com a possibilidade de Jack Dakota comprar a propriedade e depois pedir-lhe que o ajudasse a administrá-la. Apesar de o acordo lhe garantir o usufruto do seu lar, implicava um grande risco: fazê-la perder seu coração para aquele homem fascinante...

  Ok, tudo bem pode parecer que os romances de banca possuem sempre a mesma história; um acordo junta duas pessoas que a princípio se odeiam, mas que depois descobrem uma paixão avassaladora. A primeira vista pode parecer isso mesmo, mas quando começamos a ler percebemos as inúmeras diferenças e então percebemos que nunca um é igual ao outro.
 Um Acordo arriscado não é um livro que chame a atenção pela capa. Eu não acho a capa linda e nem mesmo bonita, a capa possuí uma mistura de cores que eu acho horrorosa, mas ainda bem que eu não julgo nada pela aparência.
  Esse livro possui uma história de amor linda, além de passar a mensagem de que é importante enxergar as pessoas além da aparência externa que elas nos passam.
  Hallie Ryan é uma moça que administra uma fazenda praticamente sozinha, seu pai um jogador de pôquer morreu deixando para ela a fazenda afundada em dividas e um irmão mais novo que não quer saber de ajudar a cuidar do único bem que lhes restou e ainda assim como o pai é viciado no jogo.
   Hallie estava desperada porque seu irmão Ben roubou todo o dinheiro que ela havia reunido durante meses com o objetivo de pagar as dívidas da fazenda, para que esta voltasse a ser sua. Ele estava na cidade novamente jogando e Hallie precisava impedi-lo de torrar todo o dinheiro que salvaria seu destino.
   Ela encontrou Ben muito bêbado que quase levou um tiro do homem com quem estava jogando. O garoto foi salvo graças a Jack Dakota um recém-chegado na cidade Paradise, lindo de deixar qualquer mulher a seus pés e... um jogador de pôquer profissional.
  O sorriso sedutor e astuto de Jack não agradava nenhum pouco Hallie e ela quase enlouqueceu quando ele lhe disse que fixaria residência em Paradise porque havia comprado as melhores terras da região: Eden's Canyon, a fazenda dela!
   Hallie tenta sem êxito comprar a fazenda de volta, mas Jack se recusa a vender, assim ele e o filho Ethan se mudam para Eden's Canyon e propõe um acordo para a moça: Se tornar parceira dele nos negócios.
   Ela teria que ensinar-lhe tudo sobre pecuária e o ajudar a administrar a fazenda em troca ele permitiria que ela e seu irmão Ben continuassem morando em Eden's Canyon. 
    A fazenda era a vida de Hallie então ela não teve outro saída senão aceitar e suportar a presença de Jack Dakota e seu sorriso presunçoso e irritante.
     Jack se divertia em provocar Hallie, ela era uma moça bastante diferente de todas que já haviam passado por sua vida, tanto no aspecto físico como também nas atitudes que o confundiam e eram imprevisíveis.
    Hallie não tinha um comportamento muito feminino, ela usava roupas de rapaz, não se preocupava em escovar os cabelos que sempre estava emaranhado e preso em uma trança com um chápeu de vaqueiro horroroso. Ela não se importava nem um pouco com sua aparência, achava-se desprovida de "artifícios femininos" e não se achava uma mulher bonita.
    Jack tentava de todas as maneiras fazer Hallie perceber o quanto ela era uma mulher linda, mas a moça não tinha a mínima consciência disso. Todos em Paradise compartilhavam da opinião de que da forma como ela se arrumava ninguém notaria que se tratava de uma moça e não um rapaz.
   Será que Jack Dakota é capaz de fazer Hallie Ryan perceber o quanto ela é importante e especial para ele?
   Será que Hallie será capaz de confiar seu destino mais uma vez a um jogador?
   Convido você a descobrir!!
                Beijos!

                                                                      

Um comentário:

  1. eu amoo esse livro ''Um Acordo Arriscado'' já li duas vezes,e ñ me canso...adoro a Hallie,o jeito dela e principalmente o jack ele é muito sínico e lindo*-*

    ResponderExcluir

O seu comentário é muito importante para mim, por isso não economize palavras; adoro saber sua opinião! Caso tenha um blog deixe o link para que eu possa retribuir seu comentário. :D
Beijos da Rafa!!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. Voltar ao Topo