Fechando o Mês!



       Hey, queridos!

  Mais um mês está indo embora e como já é costume mais uma edição da coluna Fechando o Mês está no ar. Julho foi um mês excelente para mim, deu para ler bastante e todos os livros que li foram muito bons. 
  Quem acompanha o blog pelo Instagram já sabe que em julho também realizei um desejo que tinha há um tempo. Faz uns 2 anos que venho pesquisando e-readers e o meu preferido sempre foi o Kobo pensei que quando fosse comprar seria ele o escolhido, mas esse mês comecei a assistir vídeos no Youtube sobre leitores de e-books e o Kindle chamou minha atenção, fiz vários comparativos, li inúmeros posts e acabei escolhendo o Kindle Paperwithe
  Para ajudar ainda mais na minha decisão a Amazon fez uma promoção super legal no dia 15 de julho e eu aproveitei para garantir logo o meu Kindle. Gente, foi a melhor compra que fiz estou apaixonada por ele; é super confortável para ler e a leitura flui muito rápido! 
 Farei um post mais detalhado em breve apresentando o aparelho, falando sobre minha experiência de uso, sobre os motivos que me levaram a escolhe-lo e sobre como ficará as leituras em e-books por aqui.
  Além do Kindle comprei também alguns livros e ouso dizer que me descontrolei um pouquinho... mas foram livros que eu queria faz tempo, achei em promoção e não pude resistir. 
   Então, vamos deixar de papo e vem conferir o Fechando o Mês de Julho que foi bastante movimentado! :)

Lidos no Mês:


  1. Rush sem Limites
  2. Na sua pele
  3. 8 segundos
  4. A Playlist de Hayden
  5. O descompasso infinito do coração
  6. Tocando as estrelas
  7. A Duquesa Rebelde [e-book]
  8. Paixão Inesperada [e-book]

Lendo Agora:

 Depois que terminei Paixão Inesperada fiquei com uma pequena ressaca literária peguei outros livros para ler, mas nenhum conseguiu prender minha atenção. Ainda vou fazer um post falando sobre Paixão Inesperada e de como encontrei esse e-book e essa série que é o meu novo vício literário. 
  Então como não estava conseguindo ler nada peguei Assassinato no Campo de Golfe e agora estou grudada nessa história. Agatha Christie é a diva do policial e não tem ressaca literária que dure com os livros dela; estou lendo em e-book e em breve trago a resenha para vocês! 

Resenhas do Mês:


Comprei em Julho:

 Esse mês não consegui me controlar e com promoções de descontos e frete grátis na Saraiva eu aproveitei para comprar alguns dos meus desejados! Quem acompanha o Instagram do blog já viu as fotos. Minhas compras foram: 
* 8 segundos
* Na sua pele
* O descompasso infinito do coração
* After: Depois da Verdade
* Sr. Daniels
* Meu Romeu
* Acesso aos bastidores
* O Refúgio do Marquês 
* DVD Jane Eyre
* DVD Cranford 

Pretendo ler em Agosto:

 Não sei o motivo de ainda fazer determinações de leituras do mês, eu não consigo seguir a lista estabelecida e acabo lendo livros que não estão nelas. Em Julho escolhi alguns para ler, mas acabei não lendo nenhum dos escolhidos. Portanto, não farei determinações, mas já adianto que com certeza alguns dos livros das últimas compras estarão nas próximas leituras, além de alguns de parceria. 

Meta de leitura:

  A minha meta continua se encaminhando bem, agora com o retorno ao trabalho deve voltar ao ritmo normal de 6 livros por mês, mas espero poder aumentar um pouco mais esse número para que a meta possa evoluir melhor. Vamos ver como será o mês de Agosto.
Meta de leitura: 120 livros
Lidos até agora: 45 livros

 Esse foi o meu mês de Julho, no geral foi ótimo com bastante leituras e boas aquisições. Espero que Agosto também renda bastante. E vocês, o que fizeram em Julho? 
  Fiquem ligados que os próximos posts serão bem legais! ;)

Beijos, e até logo! 



Cantinho das Cores: Um Jardim de Cores!



    Hey, queridos! Tudo bem?

  Vocês já devem ter percebido que o post hoje é um pouco diferente, isso mesmo, hoje trouxe uma coluna nova que será dedicada especialmente aos livros de colorir que viraram febre entre os leitores. 
  Confesso que não imaginava estar fazendo um post sobre esses livros aqui no blog. Quando todo esse bafafá sobre livros de pintar começou a ficar em evidência eu não dei tanta importância, achei que isso não funcionaria comigo já que nunca tive muita paciência para pintura (nem no jardim de infância!), mas quando um desses livros chegou aqui em casa totalmente de surpresa resolvi experimentar; e não é que o bicho me pegou de jeito?! 
 Depois que comecei a colorir não senti mais vontade de parar é uma atividade muito viciante, esses livros têm o intuito de proporcionar relaxamento e aliviar o estresse e posso dizer por experiência própria que eles realmente funcionam.
 Venho experimentando ao longo dos últimos meses e sempre que preciso relaxar a mente eu pego algum desses livros e não vejo o tempo passar. É ótimo também para aqueles momentos em que não conseguimos nos concentrar em nenhuma leitura, ou seja, nas fases de ressacas literárias. :)
  Hoje vou apresentar a vocês o livro Um Jardim de Cores da editora Gutenberg; vamos lá conferir as minhas pinturas! 


  Essa é a capa do livro, eu gostei muito das ilustrações de Um jardim de cores,  são flores, animais, plantas tudo relacionado a um jardim. Vocês não imaginam o quanto eu fiquei viciada em comprar lápis de cor e material de pintura, não posso entrar em uma papelaria ou nos supermercados aqui da minha cidade, vou direto para a sessão escolar. rsrsrsrs
  

 Está é a primeira página de Um jardim de cores, não reparem muito nas minhas técnicas de pintura; eu ainda não pinto tão bem quanto o pessoal do Instagram que eu andei pesquisando (outro vicio que adquiri foi ficar vendo perfis de pintura no Instagram! hehe).
  O livro é bem grossinho e tem um tamanho bem maior também. No começo tive dificuldade com o tipo de papel porque esse é mais áspero, mas quando resolvi mudar a marca do lápis de cor o incômodo foi resolvido. 


 Eu não sigo uma sequência para colorir as páginas, vou escolhendo os desenhos que mais chamam a minha atenção. Também ainda não sei fazer mistura de cores e ainda estou descobrindo as melhores marcas de lápis no mercado, mas já deu para ter uma ideia de quais me agradaram mais na hora de pintar. 
  No momento estou testando os lápis da Eco Multicolor e os Aquareláveis da Bic, estou gostando dos dois, mas o meu preferido ainda é mesmo os lápis Color' Peps da Maped. Eles são super macios e as cores são vibrantes e bem vivas. 


  Vi algumas pessoas comentado que os livros de colorir tomariam o tempo reservado as leituras, mas confesso que acho isso impossível. Mesmo colorindo, o tempo dedicado as minhas leituras é garantido não tem como uma atividade substituir a outra. 
  Eu me envolvi tanto com esses livros que gosto de pesquisar formas diferentes para pintar, ainda não aprendi muito, mas acho lindo quem sabe colorir em degradê!


  Eu estou usando apenas lápis de cor mesmo, já vi algumas pessoas usando canetas hidrocor de várias marcas, mas eu preferi não usá-las porque acho que vasa na folha e não fica tão bonito o desenho. Já vi até pinturas feitas com maquiagem, mas não me atrevo a tentar porque sou um desastre usando maquiagem no rosto imagina num livro? hahaha


  Ainda não tentei fazer fundos com giz de cera, estou tentado criar mais habilidade para testar novas técnicas e quando for aprendendo mais coisas vou mostrando para vocês aqui. 
  Esse livro tem 96 ilustrações e como eu gostei do tema jardim, vou colorir aos poucos. Estou testando outros também com outros temas e vou trazer os posts para vocês conferirem depois. 
  Uma característica do livro que me desagradou um pouco foram as partes em negrito que há em algumas ilustrações, acho que não tem um contraste legal com as cores e apaga um pouco a intensidade das cores. 


 Espero que tenham gostado do post! Trarei mais alguns sobre o tema em breve. Quem quiser deixar dicas de materiais, de livros de colorir e de técnicas de pintura ficarei grata! :)
  E aí, já se renderam também aos livros de colorir? 
                     
                                           Um Jardim de Cores 
                                           Editora: Gutenberg 
                                                  96 páginas 
                                         Saraiva | Submarino | Extra

  Beijos, e até breve!
                                                                                     

Tocando as Estrelas.

Autora: Rebecca Serle
Editora: Novo Conceito
Páginas: 224
Gênero: Romance/Contemporâneo 
Tradução: Leonardo Gomes Castilhone
Avaliação:

       Skoob | Saraiva | Submarino | Extra | Amazon
 
   Depois de algumas leituras mais logas e densas nas últimas semanas, escolhi ler Tocando as Estrelas para relaxar a mente e por ser um livro bem fino com pouco mais de 200 páginas foi uma leitura bastante rápida e prazerosa.
  Tocando as Estrelas é um livro com uma pegada mais adolescente, é um Young Adult que aborda os dilemas amorosos de uma jovem comum que deixa o anonimato para se tornar uma estrela de cinema.
  Paige Townsen tem dezessete anos e sempre sonhou ser uma grande atriz mesmo sua mãe sendo contra a ideia e o resto de sua família não dando tanta importância a esse desejo. No entanto, a sorte de Paige muda quando sua melhor amiga Cassandra insiste para que ela faça um teste para o filme Locked, uma grande produção inspirada na trilogia de muito sucesso entre os jovens e de quem por acaso Cassandra é muito fã. 
  Paige acaba fazendo o teste sem grandes esperanças e é surpreendida ao ser aprovada para o papel da protagonista e mocinha da história. Assim, ela deixa sua família para seguir sem sonho, mas quem pensa que tudo são flores e glamour na nova vida de Paige está bem enganado. 
  Isso porque a garota vai se ver envolvida em um triângulo amoroso com dois astros de Hollywood e como se não bastasse ainda sofrerá com pressão de ser uma atriz iniciante tentando provar sua competência e valor. 
As pessoas sempre dizem que há milhões de maneiras de resolver um problema, que não existe resposta simples para uma pergunta. Não é verdade. Existem apenas duas vias a serem seguidas a qualquer instante. A via que leba você para alguma coisa - estrelato, amor, desastre - e aquela que afasta você de tudo isso. A todo momento, a qualquer instante, você precisa fazer o melhor que pode para saber qual é qual." pág. 83

  Tocando as Estrelas foi uma leitura feita em um ótimo momento, estava procurando algo mais leve e peguei esse livro sem grandes expectativas, mas logo percebi que seria o livro certo para aquele momento. 
  Aqui temos uma trama mais jovem e bastante doce, mas com os dramas adolescentes bem marcados na narrativa. Os personagens não são tão complexos, mas conseguem conquista a simpatia do leitor facilmente, o meu preferido de todos foi o Jordan Wilder, ele me conquistou logo quando apareceu na história. 
  Se engana quem pensa que Jordan é o cara mais fofo do mundo, ao contrário disso sua imagem é de bad boy; ele é um astro do cinema com uma fama bem ruim e inimigo declarado de Rainer Devon. Rainer é o galã bonzinho, o cara perfeito e super desejado que está bastante interessado na Paige. 
  Narrado em primeira pessoa do ponto de vista da Paige, a leitura é bastante rápida e a narrativa fluida. Eu me envolvi facilmente com a trama, em pouco tempo estava torcendo pelos personagens, mas não sem antes ter vontade de sacudir a Paige por ser tão irritante às vezes. 
  O cenário não poderia ser mais lindo para um romance, o Havaí onde o set de gravações se encontra e onde quase toda a história se passa deixa a trama ainda mais romântica. 


  Achei a capa bem bonita combina com a história é simples, mas bem feita. A diagramação também está super fofa, as páginas que iniciam os capítulos têm desenhos de estrelas, as páginas são amarelas, as letras têm tamanho bom e os capítulos são curtos. 
  A minha ressalva é em relação ao final que eu não gostei nenhum pouco, fiquei frustrada e foi difícil aceitar, mas o meu consolo é que o livro terá continuação então já dá para imaginar que espero ansiosamente por mais dessa história. 
  Tocando as Estrelas me proporcionou momentos muito agradáveis com sua trama envolvente e uma história de amor fofa, a leitura é extremamente viciante. Quem gosta de leituras leves, romance teen e um toque de drama esse livro é mais do que recomendado! 

Central de lançamentos: Editora Arwen!



       Hey, queridos! Tudo bem?

 Já estamos chegando ao final do mês e consequentemente ao final das minhas férias, mas o bom foi que deu para descansar e o melhor, colocar as leituras em dias. A minha meta está progredindo bem e estou bastante animada e confiante com ela, espero conseguir manter o ritmo bom, mesmo depois que voltar para o trabalho por isso estou deixando tudo programado e organizado para que eu consiga manter as leituras evoluindo. 
  Hoje o assunto é lançamentos, e a editora em destaque é a Arwen. Estou bem empolgada com as novidades que a editora está trazendo, temos ótimas apostas vindo por aí e para nossa alegria tem distopia entre as novidades. Então vamos lá conferir os lançamentos da Arwen!

                      Irmandade de Copra - Caroline Defanti

Pré-venda
Em um futuro longínquo, a quase extinção do ser humano fez com que os poucos que restaram lutassem pela sobrevivência em colônias extraterrestres. Entretanto, alienígenas se apossam da Terra e a curam, mas os homens desejam ter seu planeta e vidas de volta. Mas os seres não parecem dispostos a abrir mão de seu novo lar. Por isso, os homens criam novos soldados, uma raça nova capaz de combater essas criaturas e recuperar o planeta. Assim nasce a Irmandade de Copra.

                                           Distopia - Kate Willians

Pré-Venda
Em uma sociedade governada por militantes, com um sistema incorruptível, as crianças são isoladas no regimento militar aos sete anos de idade e treinadas para serem soldados. Lá, eles aprendem da forma mais cruel a atirar e a matar, perdendo muito cedo a sua inocência. Depois da Grande Guerra, o mundo passou a ser dividido entre governantes e governados e cada um tem as suas dores, suas mágoas e limitações. E o que nos resta saber é: de qual lado você está? Porque no final das contas, não estamos vestidos para lutar... Assim como nunca estaremos vestidos para morrer...
                                  
                         Dois lados de um coração - Marcela de Luca

Pré-Venda

 Dor. Nunca uma palavra fez tanto sentido na vida de Elizabeth Campbell. Quando a felicidade parece finalmente estar caminhando junto a ela, fantasmas de suas antigas dores voltam a atormentá-la. 
Após perder seus pais, ela passou a acreditar que nunca mais passaria por algo parecido e jamais imaginou que a vida seria capaz de lhe tirar sem permissão a pessoa que ela mais amava. 
A vida, no entanto, preparava uma surpresa em silêncio... Quando Campbell se vê presa dentro de si, mergulhada em uma tristeza sem fim e incapaz de seguir em frente, Thomas Hunter, um rapaz que nunca acreditou no amor, tenta tirá-la desse profundo poço, embora ele também precise que alguém o tire de lá. Juntos, eles descobrem que são capazes de superar as perdas e frustrações que a vida lhes ofereceu.


  E aí, gostaram das novidades? Os lançamentos já estão em pré-venda e vocês podem adquiri-los nos links abaixo das imagens ou AQUI. Eu gostei bastante das sinopses de Irmandade de Copra e Distopia, achei as histórias bem interessantes. Espero que tenham se interessado pelas novidades de hoje, e fiquem ligados nos próximos posts do blog porque mais coisas legais vem por aí! :)

Beijos, e até logo!
                                                     




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...