03/11/2014

A Torre.

Autor: Steven James
Editora: Companhia Editora Nacional
Páginas: 480
Gênero: Policial
Série: Os Arquivos Bowers #02
Avaliação:

                          Skoob | Saraiva | Submarino | Extra


  Depois que terminei a leitura de O Peão fui correndo pegar A Torre para ler, e foi assim que devorei todos os livros já publicados aqui dessa série. São cinco livros publicados e graças a atenção da Companhia Nacional (Muito Obrigada queridos!) em enviar os livros da série para ser resenhados no blog, pude ler todos na sequência. Eu mergulhei fundo no mundo cheio de reviravoltas e mistério do detetive do FBI Patrick Bowers e mais uma vez sua saga conseguiu prender minha atenção.
 Com uma passagem de tempo de três meses, nesse segundo livro temos Patrick e Tessa tentando levar a vida depois dos acontecimentos traumáticos de O Peão. Os dois estão em San Diego onde Patrick está colaborando na investigação de uma série de incêndios criminosos juntamente com seus amigos e companheiros de trabalho, os também agentes especiais do FBI Lien - hua Jiang e Ralph Hawkins. 
 Desta vez temos a trama um pouco diferente do livro anterior, isso porque neste livro o enredo é bem mais amplo do que apenas os crimes de serial killer. Temos aqui uma grande conspiração envolvendo assassinatos, uma grande empresa de biotecnologia e um projeto ultra-secreto envolvendo um perigoso dispositivo da Marinha. 
 Todos esses elementos se misturam e se integram até que Patrick se vê novamente em uma corrida alucinada para resolver o caso e assim evitar que as pessoas que ele ama sejam as maiores afetadas. 
[...] Eu não sabia se Lien-hua já estaria morta; eu só podia rezar para que ela estivesse viva. Quando o prendemos, Melice havia dito que ela seria sua próxima namorada, e sabia muito bem o que ele fazia com elas..." pág. 425
   Essa série já é uma das minhas preferidas no gênero policial, além de ter um protagonista super empolgante e inteligente tem também uma trama bem desenvolvida e uma história que deixa o leitor elétrico e ansioso até o final da leitura. 
   O mais legal nos livros do Steven James é que ao logo da narrativa ele solta pistas sobre o caso e se o leitor for bastante esperto consegue montar o quebra-cabeça e encontrar a resposta para o caso; você precisa ficar atento a uma informação chave que soluciona todo o jogo. 
  Steven James tem uma escrita muito fácil de absorver mesmo com os termos técnicos que envolvem o FBI você consegue entender e se situar na história. No meu caso, e isso é uma questão bem pessoal, esse livro foi mais denso e lento para eu absorver. Isso aconteceu devido a parte que envolve biotecnologia, não é muito um tema com que tenho afinidade e isso atrapalhou um pouco o meu envolvimento com a trama. 
  Entretanto, assim que consegui superar essa barreira a leitura fluiu perfeitamente e eu pude encontra aquele ritmo alucinante característico dos livros policiais.  
  Os personagens começam a evoluir em A Torre; Tessa enteada de Patrick está se esforçando para que o relacionamento deles melhore e já dá para ver o carinho entre eles se fortalecendo. A relação de Patrick com Lien-hua começa a se desenrolar e o interesse de um pelo outro começa ficar mais óbvio, só o que falta mesmo é eles abandonarem o medo se envolver. Nossa! Acho que esse é o casal mais escorregadio da literatura; eu torço por eles, mas os dois sempre me deixam frustrada. rsrsrs
  O livro é narrado em primeira pessoa quando o foco é Patrick e terceira quando o foco está nos outros personagens. Esse recurso utilizado pelo autor é muito bom porque não ficamos presos apenas no ponto de vista do protagonista temos a condução da trama por parte dos criminosos também, isso ajuda muito na hora de montar o quebra-cabeça. 
  O trabalho gráfico da Editora Nacional é ótimo! A diagramação é bem elaborada com desenhos de peças do jogo de xadrez, letras em tamanho bastante confortável e capítulos curtos. Essa capa não me agradou muito, pois achei a imagem um pouco desfocada e as cores não funcionaram bem. 
    A Torre foi uma sequência satisfatória para a série e conseguiu manter o meu interesse e empolgação nas aventuras de Patrick. Com um texto fluido, uma narrativa envolvente e bem explorada, A Torre deixou ótimos ganchos para os próximos livros da série; O Cavalo promete ser ainda melhor!  



4 comentários:

  1. Oi Rafa! Eu adoro livros policiais e ainda não tive a oportunidade de ler nenhum desta série, mas gostei do que você apresentou na resenha, pelo visto muitas intrigas e estas pecinhas soltas para desvendar o caso devem ser ótimas, adoro unir pistas e desvendar o mistério.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha, vou ler este livro
    Beijinhos
    Visite meu blog (se seguir eu retribuo)http://kworldofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ei Rafa

    Ai gostei, vou ficar de olho neles. Tenho que por na lista para não esquecer, porque sou viciada em policiais. ^^

    bjs

    ResponderExcluir
  4. Rafa querida parabéns por mais uma resenha bem escrita. Essa série parece ser mesmo maravilhosa. Confesso que já faz um tempinho que não leio nada do estilo, mas tenho alguns aqui em casa no aguardo.
    Suas palavras conseguiram transmitir sua vibração com essa história e fico mega feliz por vc ter gostado e ter conseguido ler a série seguida. As veze não consigo ler séries seguidas porque fico meio cansada, mas isso só depende da narrativa.

    Beijos
    Leituras, vida e paixões!!!!

    ResponderExcluir

O seu comentário é muito importante para mim, por isso não economize palavras; adoro saber sua opinião! Caso tenha um blog deixe o link para que eu possa retribuir seu comentário. :D
Beijos da Rafa!!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. Voltar ao Topo