Primeiras Impressões: Tess dos D' Urbervilles - Thomas Hardy


Hey, leitores! Tudo bem?

  No post de hoje vim compartilhar com vocês as minhas primeiras impressões sobre o clássico da literatura inglesa Tess dos D' Urbervilles. Por conta do projeto de clássicos tenho me aventurado a ler alguns livros do gênero e como já comentei com vocês, essas leituras costumam ser mais lentas, pensando nisso achei que seria uma ideia legal trazer uma breve apresentação sobre esses livros que tenho me proposto a ler antes de trazer a resenha completa para vocês; é uma forma que fazer com que o projeto esteja mais presente aqui no blog. 

Para começar vamos conhecer um pouco mais sobre esse livro publicado pela primeira vez em 1891 e considerado um dos grandes romances da Literatura Inglesa. 

                                                           Primeiras Impressões

❤ Do que se trata o livro:

 A história se passa no século XIX, em um cenário de mudanças econômicas e sociais. O romance é ambientado na Inglaterra rural tendo como personagem principal a jovem Tess que tem sua vida mudada quando seu pai, John Durbeyfield descobre um parentesco com os aristocratas D' Urbervilles. Assim ele envia a filha para trabalhar com a família nobre. 

                                         Fonte: Imagens da série da BBC - Google 

❤ O que mais chamou atenção até agora:

Com certeza é a construção da linguagem dos personagens. Temos uma história que se passa no meio rural, então a forma de falar e o vocabulário utilizado retrata muito bem isso. No primeiro momento pode ser algo que provoca estranheza durante a leitura, mas ao longo dos capítulos você vai se acostumando e a leitura flui rapidamente. 

                                                      Fonte: Imagens da série da BBC - Google 

❤ Minhas impressões sobre a narrativa:

Até agora (Estou na primeira fase - Capítulo 4) a narrativa tem fluido bem, a história é envolvente e do tipo que instiga a curiosidade do leitor desde o primeiro capítulo. Estava preparada para uma leitura mais lenta considerando o ano de publicação (1891), mas encontrei uma linguagem de fácil compreensão e muito envolvente. 


E então? Já conheciam Tess dos D'Urbervilles ? Essa foi apenas uma pequena apresentação com o que estou achando da leitura até agora. Espero que tenham ficado interessados no livro, em breve trago a resenha completa. 💗

Beijos, e até logo!

                                                           

5 comentários:

  1. Bom dia!
    Estou passando com exclusividade em seu cantinho para lhe desejar um dia lindo com muita saúde e paz.
    Estou na biblioteca em que trabalho e nesse tempinho vago, com os alunos em sala de aula, peguei um livro de auto ajuda e li esta frase :
    “Aproveite o dia, aproveite a vida, você merece ser feliz! Alimente pensamentos positivos, deixe um pouco de lado todas as preocupações. Viva o hoje fazendo o que ama, se presenteie com a paz …”
    Me bateu a vontade de visitar os seguidores e amigos e compartilhar essa bela lição.
    Tenha uma semana feliz, livre de todo perigo e com muito amor e paz. Abraços da amiga Lourdes Duarte.

    Os links dos meus blog, caso um visitante seu deseje conhece-los e seguir. Todos serão bem vindos.
    http://professoralourdesduarte.blogspot.com/
    http://lourdesduarteprof.blogspot.com/
    https://filosofandonavidaproflourdes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Amiga amei a ideia de postagem, até porque para quem não conhece o livro o/ começa a conhecer antes de ler a resenha final.
    As imagens que vc colocou é de uma série é??? Que legal, leva o mesmo nome!?
    Caramba esse livro é antigo mesmo, ainda bem que sua edição é nova.
    Sucesso na leitura e fico no aguardo de mais opinião. Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim , amiga! As imagens são da série produzida pela BBC. É um livro antigo, mas me surpreendi com uma linguagem bem acessível.

      Beijos!

      Excluir
    2. Ah que legal. Amei a sugestão. Beijos linda!!!

      Excluir
  3. Oi, Rafa!
    Amei a ideia do post! Não sei se já havia te falado, mas quero ler Tess dos D'Urbervilles há algum tempo. Sabe, também tenho vontade de começar a ler mais clássicos, já pensei que bolar um projetinho para me incentivar, mas sempre adio, talvez ano que vem esteja mais animada!!
    Bom saber que a linguagem é acessível, acho que isso é o que mais nos assusta nos livros deste estilo :-)

    Bj!
    https://bloghistoriasliterarias.blogspot.com/

    ResponderExcluir

O seu comentário é muito importante para mim, por isso não economize palavras; adoro saber sua opinião! Caso tenha um blog deixe o link para que eu possa retribuir seu comentário. :D
Beijos da Rafa!!

Tecnologia do Blogger.