junho 19, 2017

Amor Imenso.


Autora: Penelope Ward
Editora: Essência
Páginas: 272
Gênero: Romance/New Adult
Tradução: Débora Isidoro
Avaliação:
                                      
                           Skoob | Amazon | Saraiva         


Amor Imenso é o segundo livro que leio da Penelope Ward e já posso dizer que sua escrita e a forma como ela constrói suas histórias é o que mais me cativa em seus livros. As tramas são envolventes e bem intensas, impossível não se vê torcendo e sofrendo junto com os personagens ao longo da narrativa. 

Amor Imenso apresenta uma trama que no primeiro momento pode até se passar como apenas mais um romance clichê; história de amor que se desenvolve entre amigos de infância que a principio se detestam, mas que logo percebem  que o que sentem não é apenas amizade.

Justin e Amélia se conhecem desde a infância, os dois são vizinhos e acabam se tornando amigos inseparáveis, o elo que os une é a avô da Amélia por quem Justin tem um grande carinho. Tudo munda quando Amélia descobre o segredo que Justin tenta a todo custo esconder dela, isso é o fim da amizade dos dois.

Ela deixa a cidade onde mora para ir viver com seu pai. Vários anos se passam, a avó de Amélia morre deixando a casa na praia para os dois, isso é o que obrigará Justin e Amélia a se reencontrarei novamente, e depois de tantos anos a mágoa, os sentimentos e problemas mal-resolvidos ameaçam vir à tona e ambos parecem decididos a odiar um ao outro.

[...] Nunca parei de amar você. Houve um tempo em que tentei te odiar, mas nem assim parei de te amar." pág. 252


Mesmo já tendo lido muitos new adults, alguns antes mesmo de ser publicados no Brasil, este é apenas o segundo livro da Penelope Ward que leio e desde que li Meu Querido meio-irmão a escrita da autora e a maneira como ela desenvolve a narrativa logo chamaram minha atenção, seus livros apresentam as características típicas do gênero new adult, mas trazem um toque dramático que faz todo o diferencial dentro da trama.

Seus personagens extremamente intensos, quebrados e nada perfeitos também é outro diferencial de suas histórias. No inicio a autora consegue fazer o leitor meio que detestar o protagonista masculino só para irmos o conhecendo ao poucos e descobrindo suas qualidades ao longo da história; Justin possui uma pinta de babaca que vai sendo desconstruída no decorrer da narrativa fazendo você se encantar com o personagem ao final da leitura.

A narrativa é fluida e o leitor é sugado pela trama e suas reviravoltas, a autora cria uma expectativa e tensão em volta dos personagens que faz com que devoremos o livro para saber o que acontecerá a seguir. O livro é narrado em primeira pessoa do ponto de vista da Amélia, o que é algo que não me agrada tanto, prefiro muito mais quando temos também a voz dos dois protagonistas. A narrativa também apresenta flashbacks para situar e inteirar o leitor dos fatos importantes que ocorreram no passado de Justin e Amélia, o que é fundamental para a compreensão do conflito central da trama. 



A história toda se passa na casa de praia dos protagonistas em Newport, e além dos personagens principais temos poucos personagens secundários, além da namorada de Justin aparecem na história também alguns vizinhos próximos. O foco mesmo são os personagens principais e sua relação conflituosa.

Alguns leitores não gostam de capas nesse estilo, eu não me incomodo e até gosto de capas com modelos, desde que combinem com a história e nesse caso a capa retrata bem o protagonista. A diagramação é simples com páginas amarelas, letras em tamanha confortável, capítulos curtos e bem distribuídos. 

Não se engane achando que o livro é daqueles hots recheados de cenas de sexo que chaga a ser cansativo, em Amor Imenso a autora aposta muito mais na tensão entre os protagonistas, Justin e Amélia são intensos em seus sentimentos o que gera uma forte torcida pelo casal ao longo da narrativa. 

Amor Imenso é uma leitura deliciosa, bem construída que fala sobre perdão, recomeços, amadurecimento, e principalmente sobre descobrir o que é mais importante na vida. Leitura indicada para quem gosta de romances com uma leve pitada de drama. 
                                                          

16 comentários:

  1. Olá tudo bem?
    Esse é o meu primeiro contato com esta história e confesso que o enredo não me chamou muito a atenção. Pra falar a verdade, achei meio clichê.
    Por você ter gostado tanto da historia, talvez eu venha dar uma chance a ela. Mas acredito que somente em breve.
    Gostei bastante da resenha e do jeito com que você detalhou a história.
    Bjs, Mila


    https://esquadrao-literario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Leitura deliciosa mesmo e cheia de tesão, sem dúvidas... Adorei poder conferir suas impressões a respeito desse livro, que para mim é muito bem desenvolvido e eu adorei todas as características apresentadas. Como já deu para perceber, eu também já fiz essa leitura e particularmente adorei a narrativa e os elementos inseridos. Foi uma boa surpresa e recomendo bastante a leitura, é muito envolvente e carismático né?!. Ah, concordo sobre a capa, acho que retratou bem mesmo. Suas impressões refletem bem as minhas próprias e que bom que curtiu a leitura!
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Adoro a Penelope! Depois que li "Meu Querido Meio Irmão" fui atrás dos outros livros dela que nem louca e já li vários, Amor Imenso li em inglês e me apaixonei novamente pela escrita dela e pelo Justin é claro!

    Comprei essa versão brasileira mas ainda não li, sua resenha me deixou com vontade de lê-lo, pretendo fazer em breve para matar a saudade...

    Fico feliz que tenha gostado da leitura assim como eu, adorei sua resenha!

    Beijos
    Jess

    ResponderExcluir
  4. Oi linda...interessante sua narrativa gostei muito...não sou muito íntima de livros e não conheço a escritora mas estou confiando que essa história seja fantástica...obrigada pela dica bjs

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Oi, Rafa!
    Eu já me acostumei com essas capas apelativas. O complicado é que na maioria das vezes, a história é ótima, mas a galera julga pela capa.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Três Anos do blog A Colecionadora de Histórias

    ResponderExcluir
  7. Já fiquei super curiosa. Adoro essas histórias que te prendem e tem reviravoltas. Principalmente pelo tema principal ser relacionado a perdão.

    Bjos

    ResponderExcluir
  8. Oi tudo bem?
    Estou curiosa para ler sobre esse livro desde que foi lançado, amo historias com clichês bem construídos, já estou louca para saber o segredo do Justin. Eu também não me importo com capas com modelos ( ainda me importo menos se eles forem gatos assim) hahaha.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Hey, Rafa!

    Eu não consigo gostar de livros NA.
    Já li vários e toda vez eu acabo detestando... rs
    Definitivamente esse gênero não é pra mim. Então vou deixar passar a dica desta vez.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Não conheci nada dessa autora ainda, mas confesso que gosto desse tipo de enredo. Pode ser que eu dê uma chance à história logo.
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  11. Já tinha vontade de ler esse livro e sua resenha só me fez ter mais vontade de ler... Adoro autores que consegue ter essa narratova fluída, terminamos o livro e nem percebemos, isso é delicioso, sem contar que adoro um drama!

    ResponderExcluir
  12. Não curto muito o gênero, mas sua resenha me deixou muito curiosa pra ler esse, principalmente porque você disse que não é um livro em que as cenas de sexo são cansativas, fora a narrativa fluída e as reviravoltas, e fiquei curiosa pra saber como a autora prende o leitor com elas!
    Espero conferir em breve e tirar minhas próprias conclusões.

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  13. Olá
    Sua resenha está ótima, e deu para perceber que a história é complexa e tensa, mas eu realmente não me dei bem com o NA, e também não consigo me empolgar com histórias de casais, mas parece ótima para as fãs do gênero.

    ResponderExcluir
  14. Olá Rafa! Bom que a capa retrata bem o protagonista, não é iganosa. Realmente a capa passa essa impressão de ser recheados de cenas de sexo que chega a ser cansativo, bom que você já disse que não é assim. Bacana que o leitor torce pelo casal. Bom saber que é uma história bem construída e boa de ler. Que bom que você gostou. Beijos'

    ResponderExcluir
  15. Oi, Rafa
    Adorei a resenha. Estava doida para ler esse livro, mas ainda não chegou para mim.
    Gosto de narrativas com os dois pontos de vistas também, mas não veria problemas em ter só o da protagonista. Gostei muito de suas impressões positivas.

    Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
  16. Oie...
    Adorei sua resenha!!!
    Prefiro não ler o livro, pois, não curto o genero, porém tenho certeza que quem gosta desse tipo de leitura irá amar, pelos seus comentários. Leituras fluídas são sempre agradaveis.
    Beijos

    ResponderExcluir

O seu comentário é muito importante para mim, por isso não economize palavras; adoro saber sua opinião! Caso tenha um blog deixe o link para que eu possa retribuir seu comentário. :D
Beijos da Rafa!!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. Voltar ao Topo